Rodrigo Moraes - Advocacia e Consultoria em Propriedade Intelectual

Rodrigobanner 1Escritóriobanner 2Livros

Melão do Rio Grande do Norte pode ganhar Indicação Geográfica

Autor: INPI

O INPI recebeu na segunda-feira, dia 28 de novembro de 2011, o pedido de Indicação Geográfica para o melão da região de Mossoró, no Rio Grande do Norte, na modalidade Indicação de Procedência. O pedido foi encaminhado pessoalmente por Francisco Cipriano de Paula Segundo, do Comitê Executivo da Fruticultura do Rio Grande do Norte (Coex); Franco Marinho Ramos, gestor do projeto, e Lorena Alves, ambos do SEBRAE/RN.

Ao buscar este registro, o melão mossoroense terá a sua origem garantida, o que deverá aumentar a sua competividade. Em 2010, a produção alcançou 260 mil toneladas, com 65% deste total destinado ao mercado internacional. O Rio Grande do Norte se destaca como o maior produtor de melão no país, e a fruticultura, de maneira geral, é de grande importância econômica para o estado. No caso do melão, o cultivo e a produção chega a gerar15 mil empregos diretos e cerca de 50 mil, de forma indireta.

A Indicação de Procedência é caracterizada por ser o nome geográfico conhecido pela produção, extração ou fabricação de determinado produto. Já a modalidade Denominação de Origem designa produto ou serviço cujas qualidades ou características sejam decorrentes essencialmente do meio geográfico, incluindo fatores naturais ou humanos.

Rodrigo Moraes

Av. Estados Unidos, 528, salas 1115 e 1116, Ed. Joaquim Barreto de Araújo,
Comércio, Salvador, Bahia, Brasil. CEP: 40010-020
Telefax: 55 71 3243-2549 / 55 71 3341-3697 | contato@rodrigomoraes.adv.br
/RodrigoMoraesAdvocacia

RANDERNET