Rodrigo Moraes - Advocacia e Consultoria em Propriedade Intelectual

banner 1banner 2Livros

Estado firma parceria com líder mundial em software livre

Autor: Site Oficial do Governo da Bahia

“A humanidade não pode ficar refém de uma única ferramenta do conhecimento e do saber”, afirmou o governador Jaques Wagner, logo após assinar um documento no qual o Governo da Bahia, por meio da Cia. de Processamento de Dados da Bahia (Prodeb), e a Red Hat Brasil assumem o compromisso de desenvolver projetos direcionados à implantação de programas e atividades com base em plataforma de código aberto, ou seja, de software livre.

Além da cooperação mútua na área técnica e científica, o protocolo, assinado nesta sexta-feira (6), no salão de Atos da Governadoria, prevê a capacitação e o aperfeiçoamento dos gestores públicos de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

Isto significa que, a Red Hat Brasil e a Prodeb trabalharão em conjunto para estimular e expandir o avanço da tecnologia open source (código aberto) no âmbito do governo estadual.

“A Bahia está apostando num futuro com grande diferencial, ao adotar uma base tecnológica que pensa no aperfeiçoamento e na capacitação de seus recursos humanos”, disse Alejandro Chocolat, country manager da Redhat no Brasil.

A assinatura do protocolo não quer dizer que a partir de amanhã os programas de computador utilizados pelas secretarias passarão a rodar em plataforma livre, mas que o processo de criação e desenvolvimento de novos softwares levará em conta as necessidades de cada órgão, de forma específica e independente, e com liberdade de escolha, já que será possível optar que programa usar, em quê e gastando quanto.

“Essa escolha pela tecnologia open source tem duas características importantes. Primeiro, a economia que será gerada sem a compra de licenças; e segundo, a incorporação do conhecimento pelo usuário, porque ele adquire soberania para criar a participar do processo de desenvolvimento”, explicou Chocolat.

Para o secretário de Administração, Manoel Vitório, a Prodeb dará uma contribuição significativa ao programa Compromisso Bahia (de redução de custos), ao adotar o software. “Os recursos economizados com TIC serão alocados em outros investimentos”, informou.

O secretário de Ciência e Tecnologia, Ildes Ferreira, acredita que essa é uma iniciativa progressista e informa que Salvador sediará, em breve, o Congresso Nordestino de Usuários de Software Livre.

Segundo o governador, mais importante que a economia gerada com a não obtenção de licenças são “as oportunidades de inclusão e desenvolvimento da população baiana, especialmente da nossa juventude”. Atualmente todos 364 Centros Digitais de Cidadania (CDCs) espalhados em mais de 300 municípios baianos utilizam software livre.

Outras Novidades

07/04/21 - Hotel deve pagar direitos autorais pela reprodução de música em quartos, decide STJ
24/02/21 - Direito moral do autor é imprescritível, mas pedido de indenização deve ser ajuizado em três anos
05/10/20 - Danos morais gerados a pessoa jurídica por venda de produtos falsificados podem ser presumidos
30/09/20 - Artista deve ser indenizado por uso comercial não autorizado de grafite em área pública
15/09/20 - Terceira Turma mantém condenação da Oi por uso não autorizado de fotos em cartões telefônicos
09/08/20 - TRF3 rejeita pedido de anulação do registro da marca "Botox"
28/07/20 - Lei de Turismo não impede cobrança de direitos autorais em estabelecimentos de hospedagem
15/07/20 - Confirmada anulação das marcas Doralflex e Neodoralflex por conflito com registro do Dorflex
16/05/20 - Registro no INPI dá ao titular do nome todos os direitos inerentes
07/04/20 - Terceira Turma nega recurso de fabricante de bebidas que registrou nome similar a Coca-Cola
14/03/20 - Registro de nome empresarial não define prescrição de ação sobre uso indevido de marca
14/03/20 - Editora de revista de moda e beleza não consegue anular registro da marca de empresa de cosméticos
10/03/20 - Direito autoral deve ser respeitado mesmo que foto esteja disponível na internet
22/02/20 - Para Quarta Turma, livro didático que reproduziu poema de Cecília Meireles não violou direitos autor
08/01/20 - OAB questiona medida provisória que extingue cobrança de direitos autorais em quarto de hotel

Outras Leis

Outros Artigos

Rodrigo Moraes

Travessa Miguel Arcanjo de Santana, Rio Vermelho, 01, Sala 201                  Salvador-BA | CEP: 41.950-670                                                                      Telefax: (71) 3243-2549 / (71) 3241-5711 | WhatsApp: (71) 9659-9475                        contato@rodrigomoraes.adv.br | Instagram: @rodrigomoraesadvocacia | /RodrigoMoraesAdvocacia 

RANDERNET